quarta-feira, 28 de novembro de 2012

Marabá deixa de receber R$ 5 milhões

No primeiro dia do Seminário para Novos Gestores, nesta quarta-feira (28), Prefeitura de Marabá deixou de receber mais de R$ 5 milhões, via Incra, para garantir infra-estrutura na zona rural do município. O convênio deixou de ser assinado porque a prefeitura está com dívidas com o INSS, Receita Federal, entre outros órgãos. O prefeito eleito João Salame, um dos palestrantes do seminário que termina nesta quinta-feira (29), promovido pela Famep, está tentando reverter essa situação, para que o município não perca o dinheiro.

Um comentário:

Naldo disse...

Esse é somente um dos problemas que poderá se arrastar para o próximo as mãos do governo seguinte. Sem falar que o município está em dívidas altíssimas com o funcionalismo e parece que não há mais nada a fazer. O que me choca é que ninguém dos que tem competência para agir, faz vista grossa. Obviamente são cooperadores da irresponsabilidade que tomou conta de Marabá. E quem pagará essa dívida aos servidores públicos? Acredito que se isto fosse transformado em percas salariais, talvez teriam chances futuras de serem ressarcidos. Espero que isto não ocorra, se bem que ja estamos chegando ao fim do ano e até agora, ainda há salários atrasados, visa vale, vt card, fornecedores, contratos, tudo em atraso, e todos nós sem resposta e sem solução a vista. O "sandy&cia" passou por aqui e destruiu o sonho de muita gente e o futuro de um grande município que espera o fim deste pesadelo.