terça-feira, 6 de novembro de 2012

Agora lascou!


No final da manhã de hoje (6), a juíza titular da 3ª Vara Cível, Maria Aldecy Pissolati, atendeu ao pedido de efeito suspensivo protocolado pelo advogado do prefeito Maurino Magalhães, determinando o seu imediato retorno ao cargo. Acontece, porém, que minutos depois, a Câmara Municipal de Marabá (CMM), instaurou uma Comissão Processante (CP) e afastou o prefeito Maurino Magalhães.
Diante disso, a pergunta que paira no ar é: qual decisão está valendo?
Por enquanto, o prefeito em exercício Nagib Mutran permanece no cargo, orientado por seus advogados.
O caso terá desdobramentos nas próximas horas.
Só para registrar, Maurino comentou entre amigos, nos últimos dias, que bastaria Aldecy reassumir a 3ª Vara, que ele também voltaria ao cargo. Dito e feito.

2 comentários:

Anônimo disse...

Que estranho (=ou suspeito) esse comentário do nosso (des)prefeito...né não???

Anônimo disse...

Tomara que a decisão que valha seja a de que o nagib permaneça. Não por ele ser uma pessoa excelente e de conduta ilibada, mas porque na atual situação é melhor do que o MAUrino.
Que fato mais engraçado esse comentario do maurino de que se essa juiza voltasse ele estaria de volta também. No mínimo é curioso. Na minha opinião, se ele voltar para a prefeitura o povo deveria se unir e tirá-lo de lá na marra.