terça-feira, 16 de agosto de 2011

Primeira mão: EB Alimentação caiu fora

Não chega assim a ser uma bomba. Mas (pasme) a EB Alimentação Escolar já não presta mais nenhum serviço para a Prefeitura de Marabá. A empresa foi-se embora com a rede e a bagagem. Desse modo, a tão propalada “Refeição Escolar”, maior projeto do prefeito Maurino Magalhães, terá mesmo de ser mantida pela prefeitura. Mas isso não é tudo...
Do contrato de R$ 73 milhões que a prefeitura firmou com a EB Alimentação, ainda restam serem pagos pelo município R$ 11 milhões. O interessante é que a prefeitura vai fazer esse pagamento e ainda vai ter que arcar com a distribuição da merenda escolar.
Desde que a EB Alimentação assumiu o controle da merenda escolar (por meio de terceirização) os problemas se multiplicaram no setor e não foi por falta de aviso que tudo deu errado. Inclusive, o prefeito Maurino e o secretário de Educação, Ney Calandrini, foram denunciados pelo Ministério Público Federal por improbidade administrativa na gestão da merenda.

Um comentário:

Anônimo disse...

vale lembrar que esses quase 11 milhões é referente aos serviços já prestados que não foram e nem estão sendo pagos, o prejuizo ficou com a empresa que prestou o serviço e não recebeu, melhor, mal vinha recebendo durante a vigencia do contrato.