quinta-feira, 2 de junho de 2011

Foi preciso derramar sangue

Uma semana depois da morte dos ambientalistas José Cláudio e Maria do Espírito Santo, o Ibama resolveu fiscalizar madeireiras em Nova Ipixuna (onde o crime aconteceu) e já aplicou R$ 752,3 mil em multas e embargou cinco madeireiras.
O interessante é que “Seu José Cláudio” e “Dona Maria” passaram a vida toda denunciando o desmatamento ilegal na área e, provavelmente, foram mortos por isso. Foi preciso que eles morressem para que o governo tomasse uma providência.
Antes tarde do que nunca, mas não deveria ser assim.

Nenhum comentário: