segunda-feira, 18 de junho de 2012

Racha Placa: Camponeses liberam mina da Vale

Após duas reuniões no dia desta segunda-feira (18), os moradores da localidade de Mozartinópolis, conhecida popularmente como Racha Placa, em Canaã dos Carajás, desocuparam a estrada que dá acesso à Mina S11D, maior mina de ferro da Mineradora Vale, no Pará. A ocupação começou por volta das 4h da madrugada da última quinta-feira (14).
Os manifestantes se diziam esquecidos pela Vale, que comprou a maioria das propriedades da vila para poder explorar a região. Mas, agora, com as reuniões envolvendo os reclamantes, a Vale e o Incra, nasceu O acordo.
Segundo o advogado José Batista Gonçalves Afonso, coordenador da Comissão Pastoral da Terra (CPT), em Marabá, ficou acordado que a Vale vai efetuar um salário mínimo para 50 famílias. O pagamento será retroativo de quatro meses e começa a ser feito nesta quarta-feira.
Também ficou acordado que será feita demarcação de lotes numa nova área para que as famílias sejam realocadas a partir de outubro. Da mesma forma ficou acertado que a Vale dará toda a infraestrutura do local, dentro de 18 meses.
Também será feito um estudo para tentar incluir mais 15 famílias nestes benefícios que serão repassados para essas primeiras 50.



Nenhum comentário: